Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Todas as formas nas quais o iOS 13 será mais rápido que o iOS 12
Todas as formas nas quais o iOS 13 será mais rápido que o iOS 12
Home > Inovação

Todas as formas nas quais o iOS 13 será mais rápido que o iOS 12

Face ID, dowloads e muita coisa embaixo do tapete. Seu iPhone receberá outro impulso de velocidade até o final deste ano

Jason Cross, Macworld (EUA)

12/06/2019 às 11h20

Foto: Reprodução

A Apple anunciou uma série de novos recursos para o iOS 13 em sua conferência anual WWDC. Mas você provavelmente não deve se preocupar com todos esses novos recursos extravagantes que atrasam o seu iPhone.

Na verdade, Craig Federighi, vice-presidente sênior da Apple, abriu a seção sobre o iOS 13, durante a WWDC, dizendo que "nada é mais importante para os usuários do iPhone do que o desempenho. Então, este ano, trabalhamos de cima para baixo, tornando tudo mais rápido"

Aqui estão as maneiras que você pode esperar que seu iPhone fique ainda mais rápido quando o iOS 13 for lançado neste outono.

Face ID mais rápido

O desbloqueio de Face ID já é rápido, mas a Apple está chegando a 30% mais rápido. Essa pequena pausa enquanto você espera que seu telefone seja desbloqueado pode ser quase imperceptível. Não há muito mais a dizer sobre isso - o Face ID ainda é o que é, e o iOS 13 não faz grandes mudanças em como ele é usado, sua precisão ou seu alcance ou campo de visão. Esses tipos de mudanças provavelmente exigirão um sensor TrueDepth de segunda geração (que pode vir em um futuro iPhone).

Downloads de aplicativos menores, inicialização mais rápida de aplicativos

Com o lançamento do iOS 13, a Apple está mudando a forma como os aplicativos na App Store são empacotados juntos. O resultado, segundo a companhia, são downloads de aplicativos que são até 50% menores e atualizações de aplicativos até 60% menores.

Isso significa downloads mais rápidos, menos esforço em seu plano de dados móveis e menos espaço de armazenamento ocupado pelos aplicativos. (Francamente, os dados de aplicativos, como fotos e músicas, ainda consomem a maior parte do espaço de armazenamento do iPhone.)

Mas tem um efeito secundário de fazer com que os aplicativos sejam lançados duas vezes mais rápido. Iniciar um aplicativo significa lê-lo do armazenamento, descompactar os bits compactados e armazenar as partes ativas na RAM. Quando o aplicativo tiver metade do tamanho, tudo isso pode acontecer até duas vezes mais rápido.

Devemos observar que é improvável que você veja esse aumento de desempenho durante o período do iOS 13 beta. O novo método de empacotamento de aplicativos não alcançará os usuários até que a Apple comece a aceitar envios da App Store voltados para o iOS 13, geralmente bem na época em que o iOS 13 é lançado. Portanto, mesmo que você tenha o iOS 13 beta, não espere aplicativos menores e lançamento mais rápido até o lançamento do iOS 13 neste outono.

E muita coisa embaixo do tapete

Aplicativos menores, que iniciam mais rápido e uma identificação de rosto mais rápida são coisas concretas que qualquer usuário pode entender. Mas o iOS 13 está se tornando mais rápido em um monte de outras maneiras esotéricas e sob o capô que funcionam em conjunto para tornar muitos aplicativos e operações mais rápidos, mais suaves ou mais responsivos. Alguns podem melhorar a duração da bateria também.

Na WWDC, a Apple mostrou um slide listando muitas dessas mudanças. É uma lista grande:

Agendador de encadeamentos do kernel aprimorado

  • Fechamentos DLYD3
  • Estruturas de sistema
  • Cache compartilhado mais eficiente
  • Melhoria na eficiência do processo de segundo plano
  • Melhorias no compilador
  • Estado do sistema em cache
  • Otimizações do iCloud
  • Shaders de metal assíncrono
  • Otimização rápida de código
  • Comutação de rede dinâmica
  • Uso de memória reduzido em monitores Super Retina
  • Layout automático
  • Alocação de memória de alta eficiência
  • Apagar cache do APFS
  • Descriptografia FairPlay otimizada
  • Limitação do Daemon do Tempo de Execução
  • Páginas de saída priorizadas

Mantenha suas expectativas sob controle

Vale a pena repetir que você não pode esperar que os lançamentos beta do iOS 13 apresentem todas as mesmas características de desempenho da versão final. Os lançamentos beta não são totalmente otimizados e geralmente têm código de rastreamento de bug e telemetria e afins, o que afeta o desempenho.

Também devemos mencionar que você não deve necessariamente esperar que o iOS 13 forneça pontuações significativamente melhores em testes de benchmark como o Geekbench. Uma vez que um aplicativo como esse é carregado, executando seus próprios algoritmos para testar o desempenho do processador, ele está além do alcance da maioria dessas novas otimizações do iOS.

Essas otimizações do iOS afetam as características de desempenho que podemos sentir quando carregamos aplicativos, reproduzimos mídia e percorremos feeds de mídia social, mas geralmente temos pouco a ver com a execução de tarefas de CPU altamente otimizadas que são executadas em segundo plano sem interação humana. O Geekbench e seu estilo são benchmarks valiosos, mas enfatizam mais o desempenho teórico do processador do que as limitações do sistema operacional.

 

Tags
Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site