Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Serviços chineses criam protesto secreto contra censura do governo
Serviços chineses criam protesto secreto contra censura do governo
Home > Internet

Serviços chineses criam protesto secreto contra censura do governo

São Paulo - Nos 20 anos do massacre da Praça da Paz Celestial, sites dizem que governo realiza 'Dia da Manutenção da Internet Chinesa'.

Redação do IDG Now!

04/06/2009 às 11h42

Foto:

Usuários de internet na China estão se rebelando sutilmente contra o bloqueio à internet imposto pelo governo do país no dia em que se lembra os 20 anos do massacre da Praça da Paz Celestial, chamada no país de Tiananmen Square.

No aniversário do protesto que matou centenas de pessoas em Pequim, um grande número de sites parecem criar um protesto secreto contra a censura do governo se referindo a essa data como o "Chinese Internet Maintenance Day", ou Dia de Manutenção da Internet Chinesa.

Nesta semana vários sites ocidentais e orientais foram bloqueados, entre eles Twitter, Flickr, Bing e Hotmail, uma ação vista como um esforço do governo para diminuir os comentários online e a disseminação de informações sobre o massacre na Tiananmen Square.

Segundo o jornal britânico The Guardian, um grande número de outros sites parecem ter sido suspensos nos últimos dias.

O site de compartilhamento de músicas VeryCD, bem como o Fanfou, um serviço local de microblog como o Twitter, estão fora do ar.

Em vez de simplesmente não carregar - o que seria típico para sites bloqueados pelo Grande Firewall da China - muitos dos sites têm apresentado uma mensagem dizendo que estão fechados para manutenção.

O dicionário online WordKu.com, por exemplo, postou a mensagem de que o site está fechado para o Chinese Internet Maintenance Day. Outros afirmam que o site deverá voltar ao ar dia 6 de junho.

Ao todo, seriam mais de 300 sites estão apresentando a mensagem irônica do "Dia de Manutenção da Internet Chinesa"

Não é oficial que os sites tiveram seus serviços interrompidos como resultado da pressão do governo. Porém, muitos deles já tiveram problemas com as autoridades de Pequim e outros disseram que foram avisados de que enfrentariam sérias consequências caso publicassem algo relacionado aos eventos de 4 de junho de 1989.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site