Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Polícia do RS investiga lavagem de dinheiro do tráfico por meio de bitcoins
Polícia do RS investiga lavagem de dinheiro do tráfico por meio de bitcoins
Home > Internet

Polícia do RS investiga lavagem de dinheiro do tráfico por meio de bitcoins

Laboratório clandestino encontrado em Porto Alegre levanta suspeitas de que facção criminosa esteja lavando dinheiro com criptomoedas

Da Redação

26/04/2019 às 18h07

Foto: Shutterstock

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul descobriu um laboratório para mineração de bitcoins em Porto Alegre, durante operações realizadas esta semana na capital pelo Departamento Estadual do Narcotráfico (Denarc). A suspeita é de que uma facção criminosa da região tenha criado um esquema de lavagem de dinheiro com a moeda virtual.

Depois de prender um suspeito que portava uma arma com numeração raspada e uma motocicleta com placas clonadas no Morro da Embratel, na zona Sul da Capital, a polícia encontrou nas proximidades uma casa que abrigava equipamentos de última geração com valor estimado de mais de R$ 250 mil. Um sistema de 25 computadores funcionavam 24 horas por dia para mineração de bitcoins. A estrutura com refrigeração para manter o laboratório na temperatura adequada chamou atenção dos policiais.

Um homem, que se apresentou no local como responsável pelos equipamentos, informou à polícia que havia alugado o espaço para minerar a criptomoeda e negou envolvimento com o crime organizado. Ele foi autuado em flagrante por furtar energia utilizada para alimentar o sistema tecnológico. O homem já possuía antecedentes criminais.

“É um local bem escondido, clandestino. Vamos aprofundar as investigações. Tudo indica que pode ser uma atividade de mineração de bitcoin. Podem fazer a troca e o pagamento para distribuidores de drogas. Também há possibilidade de estarem usando o dinheiro do tráfico para comprar bitcoins”, afirmou delegado Adriano Nonnenmacher.

A mineração de bitcoin é realizada por diversos computadores conectados a uma rede em que são registradas as transações com a criptomoeda. Os “mineradores” utilizam computadores para processar centenas de cálculos matemáticos a fim de validar as transações entre os usuários da moeda. Eles recebem uma recompensa em bitcoin por fecharem as transações.

A mineração de moedas virtuais não é uma atividade ilegal. O bitcoin é uma das moedas virtuais mais famosas e não é regulamentado por nenhuma autoridade financeira.

Atualmente, o valor de um bitcoin é de aproximadamente R$ 22 mil. Os equipamentos foram recolhidos pela perícia. Há suspeita de que as máquinas foram contrabandeadas, já que muitas foram fabricadas na China.

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio