Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Nova descoberta da Nasa sugere que Marte pode ter abrigado vida
Nova descoberta da Nasa sugere que Marte pode ter abrigado vida
Home > Inovação

Nova descoberta da Nasa sugere que Marte pode ter abrigado vida

Rover Curiosity da agência espacial encontrou, recentemente, grande quantidade de metano no planeta vermelho

Da Redação

24/06/2019 às 18h00

Foto: Shutterstock

Desde 2012 em solo marciano, a sonda espacial Curiosity já havia encontrado traços do metano em 2013, quando um pico de 7 partes por bilhão do gás foi detectado. Agora, seis anos depois, o rover da Nasa detectou outro pico, o mais significativo até então, que pode indicar presença de vida em Marte.

Segundo o New York Times, a descoberta se deu na última quarta-feira (19), quando, durante sua missão, a sonda espacial mediu elevados níveis de metano - um gás produzido biologicamente, com frequência – na superfície do Planeta Vermelho.

Espera-se que, a partir desta segunda-feira (24), os cientistas da Nasa possam seguir com as investigações assim que a Curiosity retornar com mais materiais para estudo.

Mesmo que a sonda não seja capaz de detectar a origem do gás, os pesquisadores estão animados com a possibilidade de vida microbiana relativamente atual, já que o metano se decompõe no período de alguns séculos, o que significa que teria que ter sido gerado recentemente em termos históricos.

Além dessa possibilidade, o metano encontrado pode ser, também, de origem geológica e esteve retido no subsolo de Marte durante milhões de anos, escapando agora através de alguma eventual fenda.

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site