Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Microsoft admite escutar conversas no Skype, mas só com autorização dos usuários
Microsoft admite escutar conversas no Skype, mas só com autorização dos usuários
Home > Internet

Microsoft admite escutar conversas no Skype, mas só com autorização dos usuários

Empresa garantiu que obtém autorização de clientes e explica que informações de identificação são eliminadas antes que o áudio seja analisado

Da Redação

09/08/2019 às 18h55

Foto: Shutterstock

A Microsoft afirmou que funcionários podem ouvir conversas para aperfeiçoar funções de tradução de voz oferecidas no Skype e Cortana. No entanto, a empresa garante que isso só acontece com a autorização de usuários. As informações são da AFP.

A Microsoft defendeu sua posição com relação a coleta e análise de áudios de usuários. "A Microsoft conta dados de voz para proporcionar e melhorar serviços habilitados para voz como a busca, comandos de voz, ditado e serviços de tradução", disse um porta-voz da empresa à AFP.

"Nos esforçamos para ser transparentes sobre nossa coleta e uso de dados de voz para garantir que os clientes possam tomar decisões informadas sobre quando e como se utilizam seus dados de voz", completou.

No entanto, antes de coletar esses dados, a empresa garante que obtém autorização de clientes e usuários, além disso, explica que informações de identificação do usuário são eliminadas antes que o áudio seja analisado.

"Continuamos revisando a forma como manejamos os dados de voz para nos assegurarmos de que as opções sejam o mais claras possível para clientes e proporcionem fortes proteções da privacidade", disse a empresa.

Em junho deste ano, a revista belga VRT NWS reportou que funcionários do Google ouviam áudios gravados pelo Google Home e Google Assistente, sob a mesma justificativa dada pela Microsoft, que analisa os áudios para melhorar seus sistemas de detecção, identificação e tradução.

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site