Novo
Agora IDGNow! é IT Midia.com
Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Mesmo com IE9 Beta, fatia da Microsoft no mercado de navegadores diminui
Mesmo com IE9 Beta, fatia da Microsoft no mercado de navegadores diminui
Home > Internet

Mesmo com IE9 Beta, fatia da Microsoft no mercado de navegadores diminui

Duas semanas após lançamento, versão do novo browser já tem 0,25% do mercado; somados, porém, os IEs perdem mercado para Chrome e Safari.

Computerworld/EUA

01/10/2010 às 18h54

Foto:

A estreia da versão beta do Internet Explorer 9, ocorrida no
mês passado
, não foi suficiente para impedir que o navegador da Microsoft
perdesse mercado para rivais como Google e Apple, informou uma empresa de
métricas de mercado nesta sexta-feira (1.º/10).

Embora o IE9 Beta, lançado em 15 de setembro, tenha conquistado
0,25% do mercado global em duas semanas, a participação somada de todas as
versões do IE caiu 0,75 ponto porcentual, o que representou o maior declínio
desde março de 2010, de acordo com dados publicados nesta sexta pela Net
Applications.

Juntos, os navegadores da Microsoft responderam por 59,7% de
todos os browsers utilizados em setembro, afirmou a Net Applications. Além de
ser a menor participação já registrada para os IEs, a marca anula os ganhos
obtidos
em dois meses seguidos no primeiro semestre.

O Chrome, da Google, foi novamente o grande vencedor na
batalha dos browsers, chegando a 8% de mercado em setembro – um acréscimo de
0,5 ponto porcentual. No mesmo período, o Safari aumentou sua fatia em 0,1
ponto, subindo para 5,3%.

Firefox e Opera
O Mozilla Firefox e o Opera não registraram grandes mudanças,
obtendo acréscimos de 0,03 e 0,02 ponto, respectivamente. O Firefox fechou
setembro com uma fatia de 23%, ainda longe da alta de 24,7% obtida em novembro
de 2009. O Opera tem se aproximado da marca de 2,5% por diversos meses nos
últimos tempos, mas sem conseguir quebrar essa barreira.

Declínio do IE à parte, a Microsoft celebrou a força inicial
de seu IE9 Beta, afirmando que mais de 6 milhões de cópias desta versão foram baixadas
nas duas últimas semanas de setembro.

A Microsoft também destacou os números da Net Applications
para o IE8, apontando que mais uma vez o navegador ganhou participação de
mercado. A fatia do IE8 cresceu 1,2 ponto porcentual, chegando a 29,1%, o que
faz dele o browser mais popular por uma ampla vantagem.

O navegador número dois, Firefox 3.6, tinha em setembro uma
fatia de mercado de 17,1%.

Mas nem o crescimento do IE8 nem a estreia do IE9 puderam compensar
as perdas dos navegadores mais antigos da Microsoft, o IE6 e o IE7. Lançado em
2001, o IE6 – que a empresa tem tentado matar há mais de um ano – perdeu 0,6
ponto, fechando setembro com 15,6%. Já o IE7 perdeu meio ponto, ficando com
10,4% do mercado.

Se o ritmo de abandono continuar como está, o IE6 só
desaparecerá em algum momento na primeira metade de 2012.

IE9 Beta x IE8 Beta
Também não é evidente que os dados da Net Applications apoiam
a afirmação feita pela Microsoft, de que a estreia do IE9 Beta foi mais bem
sucedida que a estreia do IE8 Beta.

Os números do IE8 durante o período em que esteve em beta
variaram de 0,03% em março de 2008 – mês em que a Microsoft lançou seu primeiro
beta do IE8 – para 0,4% em setembro de 2008, um mês antes do lançamento do IE8
Beta 2.

cnh-digital-divulgacao_625.jpg

Em comparação, a participação média do IE9 Beta para
setembro de 2010 foi de 0,1% (a média das duas últimas semanas foi, claro,
maior, chegando a 0,25%).

A Net Applications calcula as fatias de participação do
mercado a partir de dados coletados dos 160 milhões de visitantes únicos que
navegaram nos 40 mil sites que a empresa monitora para seus clientes. Os dados
de uso de navegador de setembro estão disponíveis no site da empresa.

O IE9 está em grande desvantagem quando comparado às
estatísticas anteriores do IE8 porque a versão mais nova não funcionará no
Windows XP, o mais popular sistema operacional da Microsoft. De acordo com
outras estatísticas da Net Applications, o Windows Vista e o Windows 7 - as
duas edições que permitem rodar o IE9 - responderam por apenas um terço de
todas as versões do Windows em uso no mês passado.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site