Novo
Agora IDGNow! é IT Midia.com
Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Maior fabricante de laptops do mundo registra recorde de vendas em junho
Maior fabricante de laptops do mundo registra recorde de vendas em junho
Home >

Maior fabricante de laptops do mundo registra recorde de vendas em junho

Com 4,8 milhões de portáteis entregues, taiwanesa Quanta supera desempenho de abril, mas esbarra na escassez de alguns componentes.

IDG News Service

08/07/2010 às 9h15

Foto:

A Quanta Computer, maior fabricante de laptops do mundo em regime de terceirização, apresentou no último mês de junho um recorde de vendas, sinal que a demanda por PCs ainda continua grande, apesar dos temores sobre a crise na Europa.

A companhia de Taiwan, que conta com Sony, Dell e Hewlett-Packard entre seus clientes, atribuiu o feito a alguns fatores, incluindo a flexibilização na linha de produção e, principalmente, porque encomendas que, tradicionalmente, seriam realizadas no mês de julho foram antecipadas para o mês de junho.

"Em julho deverá haver uma redução no nivel de vendas, mas esperamos retornar ao padrão já no mês de agosto", disse um representante da empresa.

A companhia vendeu 4,8 milhões de laptops em junho e ganhou 3,1 bilhões de dólares em receitas. Seu recorde anterior, em um único mês, foi em abril, quando a Quanta vendeu 4,5 milhões de notebooks.

A Quanta também indicou que a falta de alguns componentes pode ter colaborado para diminuir o potencial total de vendas, que foi afetado pela falta de microprocessadores Arrandale, da Intel, para laptops,  como o Core i3 e Core i5. 

A Intel, maior fabricante de chips do mundo, já aumentou a produção de microprocessadores com o objetivo de acompanhar a demanda do mercado.

Os processadores Arrandale são projetados para laptops mais finos e são compostos por um pacote com dois chips, que inclui um núcleo de processamento feito com a utilização da tecnologia de produção de 32 nanômetros e um processador gráfico usando a tecnologia de 45 nm.

A escassez de componentes, desde telas de LCD até chips de memória DRAM, têm sido um problema para a indústria de PCs este ano.

Tags
Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site