Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Inteligência Artificial vence alguns dos melhores jogadores de pôker no mundo
Inteligência Artificial vence alguns dos melhores jogadores de pôker no mundo
Home > Inovação

Inteligência Artificial vence alguns dos melhores jogadores de pôker no mundo

Tecnologia foi desenvolvida pelo Facebook em parceria com a Carnegie Mellon

Da Redação

12/07/2019 às 17h27

Foto: Shutterstock

A inteligência artificial já supera humanos em uma série de tarefas e jogos. E a última conquista das máquinas sobre humanos diz respeito a um bot desenvolvido pelo laboratório de Inteligência Artificial do Facebook em parceria com a Carnegie Mellon University. A tecnologia, batizada de Pluribus, superou alguns dos melhores jogadores de poker do mundo na quinta-feira (11) em uma partida de Texas Hold'em. O programa teve seu feito relatado e detalhado na revista americana Science.

Tuomas Sandholm, professor de informática na Carnegie Mellon, afirmou que a conquista da inteligência artificial sobre o homem é, particularmente, importante neste caso, por se tratar de um jogo como o poker, onde muito do sucesso depende de habilidade subjetivas que nós, humanos, reservamos como o blefe.

"Até agora, os marcos sobre-humanos da inteligência artificial no raciocínio estratégico se limitaram a uma concorrência bilateral", disse Sandholm em um comunicado.

O programa primeiro derrotou dois grandes campeões de pôquer, Darren Elias e Chris Ferguson, que jogaram 5.000 mãos cada um. Depois, em um experimento separado, o Pluribus enfrentou 13 profissionais, cinco deles ao mesmo tempo. Em um total de 10.000 mãos, o programa "saiu vitorioso", disseram os pesquisadores.

"Pluribus é um oponente muito difícil de ser superado. É realmente difícil derrotá-lo em qualquer tipo de mão", disse Chris Ferguson, hexacampeão em um comunicado à imprensa.

Segundo os criadores do Pluribus, a tecnologia poderia ser utilizada para resolver "uma ampla variedade de problemas do mundo real", que, como no pôquer, envolvem atores que enganam ou ocultam informações-chave.

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site