Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Google também usava aplicativo para monitorar donos de iPhones
Google também usava aplicativo para monitorar donos de iPhones
Home > Inovação

Google também usava aplicativo para monitorar donos de iPhones

Revelação do app Screenwise Meter acontece logo após vir à tona prática similar por parte do Facebook

Da Redação

31/01/2019 às 11h11

Foto: Shutterstock

O Facebook não era a única empresa a monitorar usuários de iPhone por meio de um aplicativo próprio. Isso porque o Google também fazia algo parecido por meio de um app chamado Screenwise Meter, que foi desativado pela companhia após a prática ser revelada pelo TechCrunch – que também tinha descoberto a história envolvendo a rede social.

Assim como fazia o Facebook, aponta o site especializado, o aplicativo em questão do Google também recompensava os usuários de iPhones, mas com gift cards (cartões presentes), para que permitissem que a gigante de buscas monitorasse suas atividades na Internet por meio de um app de VPN.

Ao contrário do app de rastreamento do Facebook, voltado especificamente para pessoas entre 13 e 35 anos, o Screenwise Meter era aberto para qualquer um com mais de 18 anos – mas também permitia usuários a partir de 13 anos, desde que vivessem na mesma casa das outras pessoas.

Lançado originalmente em 2012 e oferecido de forma opcional, o aplicativo do Google se baseava em um programa corporativo da App Store, da Apple, voltado para a distribuição de aplicativos internos dentro de uma empresa. No entanto, a Apple já informou que quem violar essas regras de uso pode ser banido da sua plataforma – a empresa, inclusive, desabilitou o app do Facebook citado no início do texto.

Em nota enviada ao TechCrunch sobre o caso, o Google diz que já desabilitou o Screenwise em aparelhos iOS e que cometeu um erro em ter inserido o aplicativo no programa corporativo de desenvolvedores da Apple. Confira a íntegra do comunicado abaixo.

“O aplicativo para iOS Screenwise Meter não deveria ter operado sob o programa corporativo de desenvolvedores da Apple – isso foi um erro, e pedimos desculpas. Desabilitamos esse app em aparelhos iOS. Esse app é completamente voluntário e sempre foi. Fomos honestos com os usuários sobre como usamos os seus dados neste app, não temos acesso a dados criptografados em apps e em aparelhos, e os usuários podem escolher sair do programa a qualquer momento”, afirmou a empresa.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site