Novo
Agora IDGNow! é IT Midia.com
Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Facebook compra WhatsApp por US$16 bilhões
Facebook compra WhatsApp por US$16 bilhões
Home > Internet

Facebook compra WhatsApp por US$16 bilhões

Valor pode ser ainda maior se contabilizado um adicional de US $ 3 bilhões em ações restritas concedidas aos fundadores e colaboradores do WhatsApp

Da Redação

19/02/2014 às 19h19

novo logo facebook.jpg
Foto:

O Facebook anunciou nesta quarta-feira a compra do serviço de mensagens Whatsapp por cerca de 16 bilhões de dólares em dinheiro e ações. A rede social pagará 4 bilhões de dólares em dinheiro e cerca de 12 bilhões de dólares em ações. Os valores podem ser ainda maiores. O site do The Wall Street Journal fala em 19 bilhões de dólares. O acordo incluiria ainda um adicional de 3 bilhões de dólares em ações restritas concedidas aos fundadores e colaboradores do WhatsApp.

De acordo com o Facebook, o WhatsApp continuará a operar de forma independente e manter a sua marca. O co-fundador do WhatsApp e presidente-executivo, Jan Koum, vai se unir ao Conselho de Administração da empresa de Mark Zuckerberg. O roadmap de produtos permanecerá inalterado e a equipe inteira ficará sediada em Mountain View.

Em janeiro, Jan Koum anunciou o aplicativo de mensagens tem hoje pouco mais de 430 milhões de usuários ativos, mais do que o dobro do valor anunciado em abril de 2013. Com esse crescimento de mais de 100% em menos de um ano, o WhatsApp também passou a lidar com mais mensagens. Nesse período, o número de mensagens subiu de 20 bilhões por dia para 50 bilhões por dia. Vale lembrar que em agosto de 2013, há cerca de sete meses, o WhatsApp tinha 300 milhões de usuários ativos e uma média de 31 bilhões de mensagens enviadas e recebidas diariamente.

"Nossa missão é tornar o mundo mais aberto e conectado. Fazemos isso através da construção de serviços que ajudam as pessoas a compartilharem qualquer tipo de conteúdo com qualquer grupo de pessoas que queiram. O WhatsApp vai nos ajudar a fazer isso, continuando a desenvolver um serviço que as pessoas gostam de usar todos os dias, em todo o mundo", escreveu Mark Zuckerberg em um post publicado na rede social.

"Mais de 1 milhão de pessoas se inscrevem no WhatsApp todos os dias", continuou Zuck. Segundo ele, o serviço de mensagens está a caminho de conectar um bilhão de pessoas.

De acordo com o texto do CEO do Facebook, o WhatsApp irá complementar os serviços de chat e mensagens existentes na rede social para fornecer novas ferramentas para os usuários. "O Facebook Messenger é amplamente utilizado para conversar com seus amigos do Facebook , o WhatsApp para a comunicação com todos os seus contatos e pequenos grupos de pessoas. O WhatsApp e o Messenger vão servir a usos diferentes e importantes. Vamos continuar investindo em ambos e tornando-os grandes produtos para todos", disse Zuckerberg.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site