Home > Internet

Após pane, EUA inicia reparo de sistema de vistos

Base de dados biométricos exigiu reconstrução após bug de hardware; Backlog global não tem prazo para ser processado.

Da Redação e Computerworld / EUA

24/06/2015 às 16h25

vistopassaporte_625.jpg
Foto:

O Departamento de Estado americano anunciou a volta do sistema de emissão de vistos, suspenso mundialmente desde 9 de junho devido a um problema de hardware. O bug na base de dados biométricos do governo afetou centenas de milhares de pessoas que se candidataram a partir do dia 26 de março, custando os esforços de 100 especialistas para ser consertado.  

Ao mudar para um sistema de backup, eles descobriram que os dados foram danificados e inutilizados, o que exigiu a reconstrução completa do conjunto de dados necessários aos postos diplomáticos para a emissão de vistos.

 “A base de dados responsável pelas liberações biométricas foi reconstruída e está sendo testada”, informou o porta-voz John Kirby, sinalizando que demorará até o backlog ser inteiramente processado, sem especificar sua extensão. Até agora, 33 embaixadas americanas – o equivalente a 66% da capacidade normal – já estão online e ativas.

O Departamento de Estado norte-americano registrou o mesmo problema ano passado, quando os planos de viagem de 200 mil pessoas foram afetados. Na ocasião, um bug em um patch da Oracle e da Microsoft causou o problema. 

Durante os 14 dias de paralisação, os consulados emitiram um número relativo e reduzido de vistos emergenciais – em condições normais, a operação expede cerca de 50 mil vistos diários.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail