Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Empreendedores brasileiros desenvolvem AI que promete encontrar o profissional ideal
Empreendedores brasileiros desenvolvem AI que promete encontrar o profissional ideal
Home > Inovação

Empreendedores brasileiros desenvolvem AI que promete encontrar o profissional ideal

Algoritmo consegueria analisar competências que os principais talentos de uma empresa têm em comum para encontrar o próximo em um banco de currículos

Da Redação

07/05/2019 às 9h00

Foto: Shutterstock

A startup Rocketmat, criada por três empreendedores brasileiros e um americano, afirma ter criado um algoritmo que consegue analisar as competências que os principais talentos de uma empresa têm em comum para conseguir encontrar o "profissional perfeito".

O algoritmo, diz a startup, é  "capaz de vasculhar o banco de dados de uma empresa, atrás das características dos profissionais cujo comportamento, técnica, cultura e performance estão 100% alinhados aos valores da organização".

O processo todo é feito por um robô, apelidado de Matthew. "Seu diferencial é o poder de analisar as competências que os principais talentos da empresa têm em comum", resume a Rocketmat. "Quantas vezes um chefe não olhou para o seu funcionário mais talentoso e pensou: 'se eu tivesse mais um colaborador igual ao Fulano, bateríamos um recorde de vendas'", sugere a startup.

Uma vez identificado o perfil do funcionário ideal na visão de uma empresa, ela, então, poderá inserir essas características no software da Rocketmat que irá pesquisar, na base currículos cadastrados, qual deles se encaixará perfeitamente aos desafios daquela vaga, chegando ao jargão popularizado pelos apps de namoro de "match".

Para Tiago Machado, um dos sócios fundadores da Rocketmat e especialista em Recursos Humanos, quanto mais “matchs”, menores são os índices de rotatividade de funcionários. “Queremos agilizar o trabalho do RH, para que a área tenha tempo de criar estratégias visando a valorização e retenção de pessoas fundamentais para o negócio”, explica.

Na visão da Rocketmat, nem sempre os profissionais com passagem por grandes empresas, fluente em vários idiomas e formação acadêmica em faculdades de primeira linha são boas escolhas em um processo de seleção. Atrás desse perfil sofisticado pode haver uma pessoa que pedirá demissão rapidamente por não valorizar sua função no grupo, por exmplo.

Para o sócio da Rocketmat, que já trabalhou na área de recrutamento e valorização do capital humano em grandes empresas, a análise das competências de quem comprovadamente gera retorno ao negócio é um critério, além de assertivo, também democrático.

Segundo a startup, candidatas e candidatos que – por alguma razão – teriam pouca chance de serem chamados para uma entrevista presencial passariam, inclusive, pelas triagens iniciais, caso tivessem um comportamento igual ao modelo identificado pela Rocketmat para um profissional excelente.

 

Tags
Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site