Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
DJI acrescenta receptores em drones para evitar acidentes com aviões
DJI acrescenta receptores em drones para evitar acidentes com aviões
Home > Mobilidade

DJI acrescenta receptores em drones para evitar acidentes com aviões

Objetivo é permitir que pilotos de drones sejam alertados quando seus veículos não tripulados estiverem na rota de colisão de grandes aeronaves

Da Redação

22/05/2019 às 17h09

Foto: Shutterstock

A fabricante chinesa DJI anunciou que está trabalhando em mecanismos de segurança para evitar acidentes com drones no espaço aéreo. A partir de 2020, os drones lançados pela empresa serão equipados com a tecnologia AirSense, que detecta sinais ADS-B emitidos por helicópteros e aviões.

Os receptores serão adicionados a partir de janeiro em todos os modelos que pesam mais de 250 gramas. O objetivo é permitir que os pilotos de drones sejam alertados quando seus veículos não tripulados estiverem na rota de colisão de grandes aeronaves.

“A DJI foi a primeira empresa a oferecer geofencing, limites automáticos de altitude, tecnologia return-to-home e outros recursos de segurança para a crescente comunidade mundial de pilotos de drones pessoais e profissionais”, declarou Brendan Schulman, vice-presidente de assuntos legais da DJI. “Acreditamos que nossos esforços ajudaram os drones a atingir um recorde de segurança invejável e esperamos que nossa nova agenda melhore ainda mais a segurança, mesmo quando mais drones tomarem os céus”, completou.

A nova medida de segurança integra uma agenda com 10 iniciativas, apresentadas durante um evento da DJI em Washington (EUA) nesta semana. São elas:

1. A DJI vai instalar receptores ADS-B em todos os novos drones acima de 250 gramas;

2. DJI desenvolverá um novo aviso automático para pilotos de drones que voarem longas distâncias;

3. A DJI estabelecerá um Grupo de Padrões de Segurança interno para atender às expectativas regulatórias e de consumidores;

4. Grupos da indústria de aviação devem desenvolver padrões para reportar incidentes de drones;

5. Todos os fabricantes de drones devem instalar geofencing e identificação remota;

6. Governos devem exigir identificação remota;

7. Governos devem requisitar um teste de conhecimento amigável para novos pilotos de drones;

8. Os governos devem designar claramente áreas sensíveis de restrição a drones;

9. Autoridades locais devem ser autorizadas a responder a ameaças de drones que sejam claras e sérias;

10. Os governos devem aumentar a aplicação das leis contra operações inseguras de drones.

Claramente, o maior player do mercado de drones revela um interesse em trabalhar de forma conjunta com o reguladores e fabricantes para evitar novos acidentes envolvendo seus veículos não tripulados. Para que o setor avance, os pilotos de drones também deverão ser incluídos nessas responsabilidades.

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site