Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
Criadora do Pokémon Go amplia modelo de negócio para publicidade
Criadora do Pokémon Go amplia modelo de negócio para publicidade
Home > Inovação

Criadora do Pokémon Go amplia modelo de negócio para publicidade

Empresa permitirá que negócios de todos os tamanhos façam anúncios no game de realidade aumentada

Da Redação

08/11/2019 às 11h00

Foto: Shutterstock

A Niantic, empresa por trás da febre de dois anos atrás, Pokémon Go, anunciou nessa quarta-feira (6), um novo plano para ajudar pequenas e médias empresas a atrair clientes. De acordo com informações do Business Insider, a empresa permitirá que negócios de todos os tamanhos façam anúncios no game. O beta do programa será lançado em breve e estará disponível para os interessados em dezembro deste ano.

Em Pokémon Go, os jogadores exploram o mundo real utilizando seus smartphones. Certos locais assumem o papel de pokestops e ginásios Pokémon, onde os usuários podem coletar itens e participar de batalhas. Essas áreas geralmente atraem jogadores, o que pode ser uma oportunidade interessante para as empresas.

Segundo a Niantic, estabelecimentos de todos os tamanhos poderão se tornar uma pokestop por US$ 30 mensais ou um ginásio Pokémon por US$ 60 por mês. O objetivo é que a medida direcione os jogadores para se tornarem clientes de lojas, restaurantes e outros pontos comerciais em um modelo de publicidade diferenciado.

Talvez você, enquanto usuário, pode estar preocupado com a privacidade do novo modelo ou, enquanto empresa, como isso poderá afetar o seu negócio. John Hanke, CEO da Niantic, garante que está em conformidade.

"Não é invasivo, e não depende da coleta de dados sobre os usuários para funcionar; é apenas parte do jogo", declarou John Hanke, CEO da Niantic, durante a apresentação.

Por enquanto, o recurso estará disponível apenas nos Estados Unidos, mas a expectativa é de que outros países recebam a novidade em breve.

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio