Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
CEO da Apple quer que usuários possam apagar dados quando quiserem
CEO da Apple quer que usuários possam apagar dados quando quiserem
Home > Inovação

CEO da Apple quer que usuários possam apagar dados quando quiserem

Em um novo artigo publicado na revista Time, Tim Cook chama a atenção para a importância da privacidade no mundo digital.

Da Redação

17/01/2019 às 10h45

timcookshutter_62502.jpg
Foto:

O CEO da Apple, Tim Cook, voltou a falar sobre privacidade no mundo digital nesta semana, apontando que os usuários devem ter mais controle sobre os seus dados coletados pelas empresas, de modo posso que possam apagá-los quando quiserem.

Em um artigo intitulado “You Deserve Privacy Online. Here’s How You Could Actually Get It” (“Você Merece Privacidade On-line. Veja aqui como Poderia Realmente ter isso”), publicado na revista americana Time, o executivo chama a atenção para a necessidade do governo dos EUA agir no sentido de criar regulamentações para proteger e empoderar os consumidores. 

“Os consumidores não deveriam ter de tolerar outro ano das empresas acumulando irresponsavelmente enormes perfis dos usuários, vazamentos de dados que parecem fora de controle e a habilidade em desaparecimento de controlar as nossas próprias vidas digitais”, diz Cook no texto, em que aponta ainda que “esse problema é solucionável – não é grande demais, desafiador demais ou tarde demais”.

Em outro trecho, o presidente da Apple fala sobre a existência de violações invisíveis de privacidade, que seriam habilitadas por uma “economia fantasma”. Para isso, cita o exemplo dos dados de uma pessoa que realizou uma compra on-line sendo vendidos e/ou transferidos para outras partes. 

“O rastro desaparece antes mesmo que você saiba que há um rastro. Atualmente, todos esses mercados secundários para as suas informações existem em uma economia fantasma que é amplamente não verificada – fora da vista dos consumidores, reguladores e legisladores. Vamos ser claros: você nunca se inscreveu para isso. Pensamos que todos os usuários deveriam ter a chance de dizer: ‘Espera um minuto. São as minhas informações que vocês estão vendendo, e eu não autorizei isso’.”

Por fim, Cook destaca a importância dessas mudanças por mais privacidade no sentido da construção de uma relação de confiança. “A confiança tem o potencial para continuar mudando o mundo para melhor, mas nunca alcançará esse potencial sem a fé e confiança totais das pessoas que a utilizam.”

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site