Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
CEO da Amazon, Jeff Bezos acusa tabloide de chantageá-lo com nudes
CEO da Amazon, Jeff Bezos acusa tabloide de chantageá-lo com nudes
Home > Internet

CEO da Amazon, Jeff Bezos acusa tabloide de chantageá-lo com nudes

Em post no Medium, executivo diz que National Enquirer ameaçou publicar fotos íntimas suas por conta de investigação

Da Redação

08/02/2019 às 11h58

Foto: Blue Origin/divulgação

O CEO da Amazon, Jeff Bezos, acusa o tabloide americano National Enquirer de chantageá-lo sob a ameaça de publicar fotos íntimas suas e da apresentadora Lauren Sanchez, apontada como amante do executivo, que anunciou recentemente o divórcio de MacKenzie Bezos após 25 anos de casamento.

Em um longo post no Medium, intitulado “No thank you, Mr. Pecker”, em referência a David Pecker, o CEO da American Media Inc, companhia responsável pelo National Inquirer, Bezos conta em detalhes o que afirma ser uma tentativa de “chantagem e extorsão” por parte da AMI, incluindo a publicação de e-mails recebidos da editora pelos seus representantes.

“Algo incomum aconteceu comigo ontem. Na verdade, para mim não foi incomum – foi algo inédito. Recebi uma oferta que não poderia recusar. Ou pelo menos foi o que pensaram os donos do National Enquirer. Fico feliz que eles tenham pensado isso, porque isso os encorajou a colocar tudo por escrito. Em vez de aceitar a chantagem e extorsão, decidi publicar exatamente o que eles me enviaram, apesar do custo pessoal e do constrangimento que me ameaçam”, afirma o executivo em um post publicado nesta quinta-feira, 7/2.

Em janeiro, conforme aponta a CNN, pouco após Bezos ter anunciado seu divórcio, o National Inquirer publicou reportagem com mensagens íntimas do executivo – e afirmou tê-lo investigado por cerca de quatro meses, alegando ter provas de que Bezos estava viajando com a sua suposta amante para locais exóticos em seu “jato particular de 65 milhões de dólares”. Após isso, o fundador da Amazon contratou um investigador chamado Gavin De Becker para analisar as razões por trás da publicação do tabloide, acusado diversas vezes de apoiar o presidente dos EUA, Donald Trump.

Considerada a pessoa mais rica do mundo, Bezos, que também é dono do jornal The Washington Post, diz que então representantes do National Inquirer e da sua empresa mãe, a AMI, passaram a enviar e-mails ameaçando publicar as suas fotos íntimas caso ele não concordasse em afirmar publicamente que o tabloide nunca teve motivações políticas para investigá-lo.

“Nas cartas da AMI que estou tornando públicas, vocês verão os detalhes precisos da proposta de extorsão deles: eles vão publicar as fotos pessoais a não ser que Gavin de Becker e eu façamos o específico comunicado público falso para a imprensa dizendo que ‘não temos conhecimento ou base para sugerir que a cobertura da AMI foi politicamente motivada ou influenciada por forças políticas’”. Se não concordarmos em publicar afirmativamente essa mentira específica, eles dizem que irão publicar as fotos, e rapidamente. E há uma ameaça associada: eles vão manter as fotos em mãos e publicá-las no futuro caso nos devíamos desta mentira”, aponta Bezos.

IDG Now! agora é itmidia.com. Para ler mais  notícias, acesse.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site