Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
ByteDance, dona do TikTok, planeja app de streaming musical gratuito
ByteDance, dona do TikTok, planeja app de streaming musical gratuito
Home > Inovação

ByteDance, dona do TikTok, planeja app de streaming musical gratuito

Startup mais valiosa do mundo prepara serviço concorrente ao Spotify com foco em mercados emergentes

Da Redação

21/05/2019 às 15h00

Foto: Shutterstock

O conglomerado chinês ByteDance, avaliado em mais de US$ 75 bilhões, lançará um serviço de streaming de música gratuito em breve. A empresa, dona do popular aplicativo TikTok, se reuniu com algumas gravadoras nos últimos meses para lançar o aplicativo até o meio do ano. As informações são do TechCrunch.

O app será direcionado a mercados emergentes, principalmente a Índia, já que o negócio de streaming de música está relativamente saturado em mercados mais maduros. Fontes internas da empresa revelaram ao TechCrunch que o serviço será oferecido em duas modalidades - uma gratuita e outra suportada por anúncios.

Nos últimos meses, a startup mais valiosa do mundo ampliou seu portfólio de aplicativos com o lançamento do Duoshan, um app de bate-papo por vídeo que parece uma mistura de TikTok e Snap, e do novo Feiliao (ou Flipchat), outro aplicativo de bate-papo focado em conversas de texto.

A empresa já trabalha com grandes gravadoras e mais de 800 selos para licenciar o uso de faixas musicais no TikTok, permitindo que usuários façam vídeos com suas músicas preferidas. Essas parcerias, segundo Todd Schefflin, diretor de desenvolvimento global de negócios musicais da TikTok, fazem parte do DNA criativo da plataforma. O executivo, no entanto, negou que a companhia está preparando um serviço específico de streaming de música.

O potencial do mercado indiano para o streaming de música é inquestionável, uma vez que 150 milhões de pessoas consomem esse tipo de serviço no país. No entanto, apenas uma pequena parcela está disposta a pagar por isso. Tanto que as gigantes Apple e Spotify, disponibilizam uma versão gratuita e versões que custam pouco mais de um dólar por mês no país.

Em abril, o TikTok foi banido da Índia, onde possui uma base ativa de 120 milhões de usuários, devido a uma ação judicial movida pelo governo para impedir que crianças tivessem acesso a conteúdo impróprio. Dessa forma, o lançamento de um app de streaming de música poderia alavancar novamente o crescimento da ByteDance no mercado indiano.

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio