Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Logo ITMidia
Logo ComputerWorld
Logo PCWorld
Logo CIO
Logo ITForum
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Últimas notícias do conteúdo : Ver todos
64% dos jovens brasileiros fazem uso frequente de apps para pagar contas
64% dos jovens brasileiros fazem uso frequente de apps para pagar contas
Home > Mobilidade

64% dos jovens brasileiros fazem uso frequente de apps para pagar contas

Segundo pesquisa da Mastercard, barreira mais relevante para a realização de pagamentos com smartphone é taxa de aceitação

Da Redação

05/07/2019 às 17h20

Foto: Shutterstock

A adoção de aplicativos móveis para realizar pagamentos se tornou um meio popular entre os jovens brasileiros. Segundo pesquisa realizada pela Mastercard, em parceria com a Kantar, 64% dos jovens realizam frequentemente ou ocasionalmente pagamentos por meio de aplicativos, enquanto 57% o fazem por meio de navegadores móveis. Os resultados da pesquisa foram anunciados nesta sexta-feira (5).

O estudo buscou investigar as atitudes e comportamentos dos jovens entre 18 e 35 anos na América Latina em relação ao dinheiro, com foco especial no uso da tecnologia. Segundo a pesquisa, os jovens entrevistados confiam cada vez em seus smartphones como uma valiosa ferramenta para a sua vida financeira, valorizando o controle oferecido pelos pagamentos por dispositivos móveis.

Mais da metade dos respondentes acredita que a transferência e confirmação imediatas são um dos benefícios mais importantes desse método de pagamento, enquanto 47% destacam a facilidade do uso “em movimento” e 42% afirmam que as plataformas móveis oferecem uma importante alternativa nos momentos em que não estão com a carteira.

Na visão da Mastercard, o entusiasmo e adoção das novas tecnologias de pagamentos gera um efeito positivo no mercado como um todo, impulsionando os avanços nos pagamentos e criando uma demanda por maior disponibilidade e confiabilidade.

Lojas devem ficar atentas às demandas do usuário

O estudo também indica que a barreira mais relevante para a realização de pagamentos com dispositivo móvel é a taxa de aceitação. Isso porque 41% afirmaram que “não existem lojas suficientes que aceitam pagamentos com dispositivos móveis”. Outros obstáculos significativos ao uso de pagamentos com dispositivos móveis são principalmente questões relacionadas ao dispositivo:

  • 40% estavam preocupados com o que aconteceria se perdessem o telefone;
  • 38% afirmaram que a duração da bateria poderia ser uma barreira potencial para o uso.

A sensação de que os smartphones têm potencial para centralizar e resolver a maioria das necessidades dos usuários também é refletida pelo estudo. Isso porque, 68% disseram que seria útil usar seu smartphone para pagar todas as formas de transporte público. Quase dois terços disseram que seria útil ter todos os seus pontos de fidelidade e recompensas conectados ao smartphone e 73% achariam útil a existência de lojas sem checkout, nas quais os consumidores simplesmente pegam os itens que desejam e saem, enquanto o seu sistema de pagamento pré-aprovado é cobrado. Além disso, 50% considerariam útil poder dividir o custo de uma compra com outras pessoas - uma refeição compartilhada, por exemplo - no momento do evento.

Será o fim do papel moeda?

A pesquisa demonstrou ainda que os pagamentos com cartão de débito estão se tornando um sério rival do papel moeda para as compras do dia a dia. Em algumas categorias de compras, os cartões de débito e crédito já ultrapassaram o dinheiro em espécie. Por exemplo, 63% dos jovens indicaram utilizar cartões para pagar suas compras semanais de mercearia, enquanto 61% usam dinheiro e 63% usam cartões quando comem fora, comparado a 60% que usam dinheiro.

À medida que crescem os pagamentos com cartão, também aumentam os pagamentos por aproximação, aqueles que são realizados aproximando os dispositivos em um leitor habilitado. Atualmente, mais de 4500 cidades brasileiras já estão aptas a realizar este tipo de transação.

Quando perguntados sobre o futuro, os jovens brasileiros indicaram grandes expectativa de mudança para a próxima década. Mais de 40% esperam poder pagar por suas compras apenas com uma leitura da impressão digital, enquanto 41% esperam que todas as transações sejam em tempo real. Mais de um quarto dos respondentes esperam que as agências bancárias tenham sido totalmente substituídas por bancos virtuais.

 

Tags
Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A IT Mídia usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site